Governo chinês ameaça proibir que pais encaminhem seus filhos ao cristianismo

01:00:00 0 ''



Autoridades chinesas proibiram crianças de participar de cultos e de grupos cristãos. Acredita-se que a ação é uma resposta a uma pesquisa da Universidade de Xangai, onde cerca de 60% dos estudantes estão interessados em aprender mais sobre o cristianismo, além do número do crescimento de jovens na religião.

Avisos do governo alertam que as crianças serão impedidas de entrar na igreja mesmo que acompanhadas de seus pais. O governo justificou sua decisão ao alegar que instrução religiosa impede os jovens de desenvolver "uma visão do mundo correta e um conjunto de valores".

A informação é do Breitbart.