Escola sem Partido acusa grande mídia de mentir sobre ação do Enem

15:07:00 0 ''


Após entrar com uma ação na justiça para impedir que redações do Enem fossem zeradas por questões ideológicas, o "Escola sem Partido" respondeu com críticas a postura da grande mídia na cobertura do assunto. Confira:

"Nada disso, fakenews! Escola sem Partido comemora decisão da Justiça que impede o Enem de violar direitos humanos dos candidatos. Sim, a liberdade de consciência e de crença e o direito à livre manifestação do pensamento SÃO DIREITOS HUMANOS dos participantes do Enem. Ninguém é obrigado a dizer o que não pensa para poder entrar numa universidade. As pessoas devem ser punidas pelo que fazem, não pelo que pensam. Além disso, o Enem não exige respeito aos direitos humanos, e sim, comprovadamente, ao POLITICAMENTE CORRETO, que é um simulacro ideológico dos direitos humanos".
Para ler a petição inicial do Escola sem Partido, acesse aqui.

O post original está aqui