Para Bene Barbosa, ministro da Defesa pode tentar centralizar comando de segurança do governo federal

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé

O presidente do Conselho de Administração do Movimento Viva Brasil, Bene Barbosa, que luta pelo fim do estatuto do desarmamento, usou uma rede social para fazer um alerta sobre uma declaração do ministro da Defesa, Raul Jungmann.

"Jungmann de idiota não tem nada, sua fala sobre a falência da segurança pública (óbvio ululante!) pode parecer irresponsabilidade para alguns, mas é muito pior que isso. Levando-se em conta a criação de uma "polícia federal fardada" para substituir a Força Nacional, podemos estar assistindo mais uma tentativa de centralizar o comando da segurança nas mãos do governo federal. Sonho autoritário que nem Vargas conseguiu realizar. Aguardemos..", disse Barbosa.

Ele ainda falou: "500 tiroteios só em janeiro deste ano no Rio, ministro da defesa afirma que Segurança Pública está falida, como se ele não tivesse nenhuma responsabilidade por isso, e ainda vem a Ilona Szabó - queridinha de FHC, Soros, et caterva - e diz que o problema é que o Brasil prende demais!".

Em um evento sobre segurança pública, ao falar sobre a violência no Rio de Janeiro Jungmann disse que "O sistema também faliu porque o governo federal não tem mandato sobre a situação dos estados, apenas em situações extraordinárias, que não deveriam acontecer".

A declaração do ministro da Defesa pôde sinalizar que ele, ou até órgãos governamentais ou ONGs, podem, em breve, buscar uma maior centralização de poder no governo federal no quesito Segurança Pública.

Essa tese é principalmente defendida por aqueles que pedem a desmilitarização da Polícia Militar. Durante o governo Dilma Rousseff, medidas da ex-presidente deram a entender que o governo federal pretendia dar a si mais poder.
Para Bene Barbosa, ministro da Defesa pode tentar centralizar comando de segurança do governo federal Para Bene Barbosa, ministro da Defesa pode tentar centralizar comando de segurança do governo federal Reviewed by Unknown on 14:05:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.