Xerife da Flórida que pôr fim as zonas livres de armas nas escolas

O xerife da Flórida tem um plano de "mudar o jogo" para agrupar os professores e acabar com as zonas escolares livres de armas

Um xerife da Flórida chamado Grady Judd falou que quer acabar com a proibição do uso de armas em escolas. Ele quer treinar professores e funcionários para portarem armas e defenderem os alunos de possíveis novos massacres.

Chamado de "Programa Sentinela", Judd explicou que seu departamento planejou e já implementou esta ideia. Neste plano, os professores poderão portar armas de forma oculta e serão treinados para proteger os alunos em caso de alguma necessidade. O programa já foi posto em ação na Universidade do Sudeste em Lakeland, Flórida, que está na jurisdição de Judd.

O xerife explicou que o processo para escolher quais professores poderão se armar é extremamente criterioso e somente sem antecedentes criminais. Em seguida, os professores passarão por um treinamento rigoroso que inclui cumprir padrões além daqueles que a aplicação da lei da Flórida deve manter. Além disso, cada professor selecionado passará por uma avaliação psicológica.

Somente depois que os professores concluíram com êxito o treinamento, eles serão autorizados a transportar armas ocultas no campus.

A informação é do The Blaze
Xerife da Flórida que pôr fim as zonas livres de armas nas escolas Xerife da Flórida que pôr fim as zonas livres de armas nas escolas Reviewed by O Congressista on 14:34:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.