Federação Israelita critica PSOL "Basta de mentiras. Basta de ódio. Basta de PSOL"

23:22:00 0 ''

A imagem pode conter: texto

A Federação Israelita (Fierj) postou em sua página no Facebook uma nota de repúdio ao PSOL, que em nota chamou Israel de "estado genocida".

A nota diz:

"BASTA! Mais uma vez, o PSOL dissemina mentiras sobre Israel com o objetivo explícito de jogar a população brasileira contra o Estado Judeu (veja em http://bit.ly/PSOLGaza).

Não foi a primeira nem a segunda vez. O pretexto agora foi o incidente provocado pelo Hamas em Gaza, que na última sexta-feira incitou sua população a aproximar-se perigosamente da fronteira com Israel. Diante da iminência de ter seu território invadido, Israel utilizou-se de instrumentos não-letais de dispersão de multidões e, quando se fez necessário, atingiu com tiros de precisão terroristas que o próprio Hamas reconheceu como sendo seus combatentes.

Mas o PSOL não quer saber da verdade. O PSOL não quer saber da paz. O PSOL quer unicamente a eliminação de Israel e a implantação, em todo o território do Jordão ao Mediterrâneo, de outra ditadura árabe onde judeus serão perseguidos até partirem para mais um exílio. Pois isto jamais acontecerá!!

Israel está prestes a completar 70 anos de democracia ininterrupta, enormes avanços sociais, culturais e tecnológicos e excelentes relações com todos os países democráticos, incluindo o Brasil.

Os governos de Israel não são imunes a críticas, mas não toleraremos libelos de sangue nem que se refiram ao país como "Estado genocida" ou ao seu líder democraticamente eleito como "carniceiro-mor".

Esta nota de repúdio não é direcionada ao PSOL nem aos seus líderes, pois estes já demonstraram ter o anti-semitismo e o ódio a Israel em seu DNA. Este texto é endereçado unicamente à comunidade judaica do Rio de Janeiro e aos seus amigos. É um chamado a que interrompam imediatamente qualquer ligação com o PSOL, seja como filiados, candidatos, eleitores ou simpatizantes.

A luta por liberdade e justiça social não foi uma criação do PSOL nem é exclusiva deste partido. Há alternativas para que a comunidade judaica, principalmente seus jovens, persigam o objetivo de uma sociedade mais igualitária sem que precisem misturar-se com elementos nefastos que desejam o fim de Israel e a volta dos judeus à condição de povo sem pátria.

Basta de mentiras. Basta de ódio. Basta de PSOL."

O post original pode ser visto aqui