Áudios não afetam Bolsonaro, e mídia tenta transformar Bebianno em “coitadinho”

Arte: Fellipe Villas Bôas

Por Wilson Oliveira

A grande mídia está fazendo um contorcionismo inacreditável com esse caso - a mídia toda não, obviamente, mas sim Folha, UOL, Veja, Globo e Antagonista.

Eles querem inocentar o ex-ministro Gustavo Bebianno, fingir que a crise do laranjal no PSL foi apenas um detalhe (após esses próprios veículos ficarem destacando essa crise de laranjas) e colocar o Bolsonaro como um “louco descontrolado” simplesmente por ele ter esclarecido que não tem nenhuma participação no esquema de candidaturas laranjas.

O circo estava armado para tentar (mais uma vez) queimar de vez o presidente. Obviamente, o interesse número 1 desses veículos não parece ser o de querer esclarecer o que aconteceu no caso dos laranjas do PSL (se fosse esse o interesse, estariam aplaudindo Bolsonaro por ter colocado a Polícia Federal pra investigar essas denúncias).

A impressão que causa é que o interesse número 1 desses veículos era colocar o Bolsonaro como participante, cúmplice ou até mesmo como mandante do suposto crime cometido por dirigentes do partido, mas essa narrativa não foi possível por que Carlos Bolsonaro acabou com ela em apenas um tweet (como já falamos anteriormente). Daí a raiva pra cima dele.

E agora, magicamente, a própria mídia coloca a crise dos candidatos laranjas como um mero detalhe, algo que “não daria em nada” (é pra gente dar gargalhada), e diz que o maior problema, a verdadeira crise do governo, foi Bolsonaro demitir um ministro justamente acusado de comandar esse esquema dos laranjas.

É preciso ser muito inocente (ou muito canalha) pra não enxergar a tentativa enraivecida de derrubarem Jair Bolsonaro mesmo se tratando de acusações de corrupção que não caem sobre ele, como os próprios áudios deixam claro. A dor de cotovelo por sua vitória nas eleições continua forte como nunca.

Em áudio, Bebianno já projeta discurso para se fazer de vítima:

Por que esse ódio? Qual a relevância disso? Vir a público me chamar de mentiroso? Eu só fiz o bem, capitão. Eu só fiz o bem até aqui. Eu só estive do seu lado, o senhor sabe disso. Será que o senhor vai permitir que eu seja agredido dessa forma? Isso não está certo, não, capitão. Desculpe.
Gustavo Bebianno

Bebianno não nega que manda no Antagonista e ainda defende o site:

Capitão, a nota do Antagonista que o senhor tá me acusando de ter plantado… Se o senhor olhar bem, eu localizei aqui e mandei pro senhor. Eu não plantei nada. Ela replica o que a Folha falou. Está escrito aqui: “segundo a Folha, segundo a Folha, o ministro Gustavo Bebianno tentou ligar para Jair Bolsonaro neste domingo para explicar o caso, mas o presidente não atendeu”. Quem mencionou isso não foi o Antagonista, foi a Folha. O Antagonista simplesmente replicou. Então, capitão, eu não plantei nada em lugar nenhum, tá? Abraço.
Gustavo Bebianno

Bolsonaro atesta contradição de Bebianno sobre vazamento dos áudios:

Bebianno, olha como você entra em contradição. Que seja a Folha. Se foi uma tentativa tua pra mim e eu não atendi… Eu não liguei pra Folha, eu não ligo pra imprensa nenhuma. Quem ligou foi você, quem vazou foi você. Dá pra você entender o caminho que você está indo? E você tem que fazer uma reflexão para voltar à normalidade. Deu pra entender? Vou repetir: se você tentou falar comigo, um pra um, se alguém vazou pra Folha, não fui eu, só pode ser você. Tá ok?
Jair Bolsonaro

Bolsonaro deixa claro não ter participação em esquema de laranjas:

Querer empurrar essa batata quente desse dinheiro lá pra candidata em Pernambuco pro meu colo, aí não vai dar certo. Aí é desonestidade e falta de caráter. Agora, todas as notas pregadas nesse sentido foram nesse sentido exatamente, então a Polícia Federal vai entrar no circuito, já entrou no circuito, pra apurar a verdade. Tudo bem, vamos ver daí… Quem deve paga, tá certo? Eu sei que você é dessa linha minha aí. Um abraço.
Jair Bolsonaro
Áudios não afetam Bolsonaro, e mídia tenta transformar Bebianno em “coitadinho” Áudios não afetam Bolsonaro, e mídia tenta transformar Bebianno em “coitadinho” Reviewed by Wilson Oliveira on 22:07:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.