De direita, VOX pode se tornar a terceira maior força política da Espanha


Por Raúl Asensi
Publicação Original: PanAm Post
Traduzido por Fellipe Luiz Villas Bôas

Estamos a algumas horas das eleições na Espanha e tudo está ficando cada vez mais emocionante. As pesquisas, que falharam em todo o mundo, falharam em Andaluzia, onde eles não previram os 12 assentos que a VOX acabou ganhando, nem que a direita ganharia poder onde a esquerda havia triunfado por mais de 30 anos, dizem que nem a direita nem a esquerda garantiriam a maioria e que o partido de Santiago Abascal, líder do VOX, provavelmente terminará em quinto lugar, atrás de Podemos.
No entanto, o que está acontecendo nas ruas da Espanha surpreendeu não só o povo espanhol, mas o mundo inteiro. O VOX é um fenômeno político digno de estudo. Se levarmos em conta o nível de mobilização que o VOX alcançou, em vez dos levantamentos, as previsões seriam muito diferentes.

De fato, é o caso de um estudo publicado pelo cientista político espanhol Francisco Carrera, que foi o único que teve razão em suas previsões para as eleições na Andaluzia. No estudo, que todos os meios de comunicação espanhóis já publicaram, o cientista político diz que o Vox terá entre 67 e 73 lugares, tornando-se o terceiro maior partido da Espanha. O cientista político acrescenta que isso pode ser subestimado e que é provável que o partido de Abascal tenha ainda mais cadeiras.
As imagens do que aconteceu na quinta-feira, 25 de abril, em Valência, são chocantes.
E a mesma coisa aconteceu em Toledo, Oviedo, Valladolid, Granada, Corunha, Las Rozas... Em todos os lugares que Santiago Abascal visitou durante os últimos 15 dias, o Vox lotou os locais; os estádios e auditórios estão lotados.


VOX Reúne multidão em Valência, Espanha

Reunião do VOX em Sevilha

No domingo passado, em Múrcia, apesar da chuva, 2.000 apoiadores do VOX se reuniram do lado de fora do local onde o Abascal falou para 4.000 pessoas. Então, na terça-feira, no Palácio de Exposições e Congressos de Sevilha, a VOX reuniu 5.000 espanhóis, além de centenas de pessoas que esperavam do lado de fora.

 

Na sexta-feira, 26 de abril, em seu comício de encerramento, a VOX reuniu cerca de 20.000 pessoas na Plaza Colón, em Madri.
O VOX está conquistando até mesmo os eleitores de esquerda. E esta semana ele parece ter conquistado o coração do cantor argentino Andrés Calamaro, que também tem cidadania espanhola. Ele afirmou que não está “apoiando nenhum dos candidatos apresentados na televisão”, lembrando que o único candidato que não estava nos debates foi o Abascal.
"Esse debate é interessante, mas não me ajuda decidir por quem votar, não por nenhuma dessas quatro forças que vão dividir os orçamentos das eleições e da administração estadual", disse o famoso cantor.
Em um texto postado em sua conta no Facebook, Calamaro também diz: "Eu prefiro a vertigem dos patriotas e reacionários, no seu caminho eles me representam mais do que os moderados".
Calamaro se refere à VOX como “os patriotas que pensam nos trabalhadores, mas sem gestos progressivos para o público”. E ele adverte que “os oráculos são oráculos, devemos saber interpretar o que eles nos dizem”.
Essas declarações do famoso músico referindo-se aos líderes da VOX como os patriotas que pensam nos trabalhadores vêm depois de um vídeo se tornar viral, no qual um jornalista de esquerda entrevista um trabalhador e fica surpreso quando ele diz que votará no Abascal.
O vídeo oferece grande publicidade para a causa VOX. O senso comum com o qual o trabalhador responde ao jornalista é magistral.
A eleição da Espanha neste domingo marca um momento decisivo para o fenômeno político muito interessante que a VOX representa.
De direita, VOX pode se tornar a terceira maior força política da Espanha De direita, VOX pode se tornar a terceira maior força política da Espanha Reviewed by Villas Boas on 20:37:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.