NOTA OFICIAL: Olavo de Carvalho precisa estimular mais lideranças conservadores

Arte: Fellipe Luiz Villas Bôas

Por Wilson Oliveira

Essa crise (agora sim podemos chamar de crise) que está se instalando no governo está sendo jogada toda em cima do Bolsonaro, mas esse problema não é único e exclusivo dele. É um problema muito mais da direita brasileira.

Lembremos que Bolsonaro montou o governo dele com o que tinha. E na época da campanha, não me lembro de ninguém reclamar da incorporação dos inúmeros militares. O próprio Bolsonaro dizia que era isso que seus eleitores esperavam, sem que ninguém discordasse.

Agora estamos vendo não apenas que Olavo de Carvalho, Carlos Bolsonaro e outros nomes importantes estão putos (com toda razão) ao observar os sinais de sabotagem dados pelo General Mourão. Estamos, sobretudo e principalmente, sentindo na pele a falta material de material humano conservador, que deveria estar ocupando muitos cargos hoje nas mãos dos militares.

Bolsonaro sem dúvida é o maior líder conservador que temos na política, mas ao mesmo tempo ele também é um militar. Portanto, a conclusão que nós chegamos recentemente sobre o positivismo milico e seu imenso estrago talvez ainda não seja visto pelo próprio presidente, que visivelmente tenta a todo custo evitar colocar gasolina nesse incêndio.

Eu acredito que Olavo de Carvalho, Carlos Bolsonaro, Filipe G. Martins, Silvio Grimaldo e cia, por mais que tenham razão em tudo que digam, deveriam de alguma forma nos ajudar a encontrar várias outras lideranças conservadoras sem vínculo com os militares, com liberais, com isentões ou qualquer outro grupo positivista, apenas com os conservadores.

Eventualmente, num próximo governo conservador, é claro que é possível novamente ter um nome liberal como Paulo Guedes, ou um militar como Tarcisio Gomes de Freitas, mas é caso de vida ou morte que a cúpula seja 100% conservadora. Não podemos novamente deixar esse vácuo, pois dessa forma o preenchimento será de novo feito por quem não é conservador.

Está óbvio para todas as pessoas que o governo atual não possui uma cúpula 100% conservadora por que não existem conservadores suficientes para isso - ou pelo menos não existiam no radar do Bolsonaro na época que ele começou a montagem do seu time. Agora não adianta ficar bombardeando o governo inteiro.

Jair Bolsonaro não pode ser o “linha de frente” pra resolver os problemas da direita, do PSL, da bancada de deputados etc, pois ele está ocupado sendo presidente do Brasil. Há uma Reforma da Previdência que precisa ser aprovada independente do Mourão ser sabotador ou não, ou dos militares serem positivistas demais ou de menos.

Enquanto nosso presidente tenta melhorar o que é possível melhorar no Brasil dentro desses próximos quatro anos, nós, conservadores, precisamos nos organizar para chegarmos na eleição de 2022 com uma chapa conservadora muito mais forte, coesa e, de fato, conservadora!
NOTA OFICIAL: Olavo de Carvalho precisa estimular mais lideranças conservadores NOTA OFICIAL: Olavo de Carvalho precisa estimular mais lideranças conservadores Reviewed by Wilson Oliveira on 22:01:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.