A realidade nua e crua é que a turma do PSOL está desesperada, afirma analista político


Por Wilson Oliveira

O analista político Luiz Camargo, do canal "Luiz Camargo vlog", analisou os possíveis desdobramentos dos últimos vazamentos do Pavão Misterioso e concluiu que a turma do PSOL, especificamente os envolvidos nos prints divulgados, Marcelo Freixo, Jean Wyllys e David Miranda, estão em claro viés de desespero. Para Luiz Camargo, se a Polícia Federal comprovar as informações contidas nos prints divulgados pelo Pavão, isso poderá significar o fim da extrema-esquerda brasileira.

- A realidade nua e crua é que eles estão desesperados. Não passa nem sinal de wifi nos seus órgãos excretores. Ninguém fala outra coisa no país. No fim de semana que o pai da bossa nova, João Gilberto, faleceu, o assunto mais comentado nas redes sociais foi o Pavão que desmascarou o pseudo-jornalista e a trupe psolista. E os próximos dias dirão tudo. Na primeira aparição do Pavão, um grupo de pessoas, incluindo prefeito e delegado, foi preso, o que demonstra que o conteúdo tinha fundamento. Agora, as mensagens desse fim de semana trazem novos nomes e dados imprescindíveis. As denúncias são gravíssimas. Eu diria que é uma das questões mais importantes do Brasil nos últimos anos. E se forem comprovadas, acabou para a esquerda deste país. O PSOL terá que substituir o solzinho pela imagem de um túmulo fechado - declarou Luiz Camargo.

Luiz Camargo também lembrou que o povo brasileiro agora pressiona a Polícia Federal para ir adiante nessas investigações. E que caso os envolvidos tanto do PSOL como do site de extrema-esquerda Intercept não forem punidos, a sociedade irá às ruas exigir as prisões dessas pessoas, da mesma forma que manifestações foram organizadas em todo Brasil para defender a Lava Jato.

- Nós queremos logo que essas informações sejam devidamente investigadas pela PF. E se ficar comprovado que o voo do Pavão trouxe apenas verdades, e se por conta das nossas lei burocráticas e prolixas Glenn Greenwald, Leandro Demori, David Miranda, Marcelo Freixo e Jean Wyllys não pagarem pelos seus crimes, nós iremos para as ruas clamar por isso, da mesma forma que fomos para as ruas defender a Lava Jato. E dessa vez, a mensagem será ainda mais clara. Queremos Verdevaldo e os seus comparsas passando o caneco na grade pra chamar o carcereiro. E todos eles sabem disso. É exatamente por isso que agora estão com o brioco nas mãos.

O analista político Luiz Camargo também chamou atenção para o fato dos prints do Pavão Misterioso serem mais dignos de confiança, mas a grande mídia continuar preferindo dar atenção somente aos supostos vazamentos do Intercept.

- Na minha opinião particular, essas prints parecem ser mais dignas da nossa confiança do que os vazamentos das trocas de mensagens entre Sérgio Moro e os procuradores da Lava Jato. No entanto, são os vazamentos do Intercept que continuam estampando as manchetes dos principais jornais do país, enquanto as revelações do Pavão ficam limitadas às redes sociais e mídias alternativas. Alguém viu a Globo, a Folha de SP ou qualquer órgão da imprensa tradicional mencionando o pássaro formoso? Enfim, no dia 30 de junho, depois do primeiro voo do Pavão, Jean Wyllys preferiu resumir todas as denúncias contra ele e os seus parceiros como se fossem ataques homofóbicos. O ex-deputado fujão quis usar a sua opção sexual como escudo - disse Luiz Camargo, se referindo ao tweet abaixo.


De acordo com Luiz Camargo, aqueles que tiveram nomes envolvidos nas conversas divulgadas pelo Pavão Misterioso não parecem estar dispostos a exigir uma perícia desses prints, como fez Sergio Moro quando houve as divulgações da Intercept.

- O Pavão mostrou conversas de dias atrás que estariam nos celulares dos psolistas. Sendo assim, basta entregar os celulares à Polícia Federal e exigir uma perícia para provar que é mentira. Aí cai a narrativa do hacker russo, cai a história da venda do mandato e da adulteração das mensagens de voz que estão para serem divulgadas. Quando os vazamentos da Lava Jato vieram à tona, o Moro se ofereceu para entregar seu celular para a perícia. Porém, os coleguinhas psolistas parecem não estarem dispostos a isso. Ao invés de entregarem logo os celulares para desmascarar os fascistas, provando que tudo não passou de prints adulteradas, o Marcelo Frouxo preferiu chamar a PF para processar quem divulgou - concluiu Luiz Camargo.

Estamos nos esforçando para mostrar as coisas boas que os conservadores estão fazendo pelo Brasil. Se você nos ajudar, poderemos publicar mais artigos como esse. Visite o nosso Apoia.se!
A realidade nua e crua é que a turma do PSOL está desesperada, afirma analista político A realidade nua e crua é que a turma do PSOL está desesperada, afirma analista político Reviewed by O Congressista on 15:12:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.