Esquerda tenta infiltrar Tábata Amaral na direita, alerta analista político


Por Fellipe Luiz Villas Bôas e Wilson Oliveira

O analista político Allan Frutuozo, do canal Vista Pátria, fez um alerta importante para a direita brasileira. De acordo com Allan, a possível expulsão da deputada Tábata Amaral do PDT na verdade é uma armadilha da esquerda, que tenta infiltra-la na direita. Allan lembrou que o PDT é uma das legendas que integram a Internacional Socialista.

- Fiquem muito atentos, porque não é de hoje que a extrema-esquerda, esses sites patrocinados pela esquerda, esses 247 da vida, ficam tentando empurrar a Tábata Amaral para a direita. Isso faz parte de um movimento estratégico. Mas cabe a você ter a consciência de cair nessa lorota ou não. A Tábata Amaral pertence ao PDT, partido brasileiro que integra a Internacional Socialista, um grupo de partidos do mundo todo que atuam sob a cartilha socialista. E isso tudo é coordenado em uma escala mundial. Você pode entrar no site da Internacional Socialista e ver a rosa, o simbolozinho do PDT, que é um símbolo já conhecido mundialmente – explicou Allan Frutuozo.

Para o analista político, o fato de alguns deputados da oposição terem votado a favor da Reforma da Previdência é algo natural por se tratar de um projeto necessário para o país, em contraste com o discurso populista de outros oposicionistas, que se mantêm falando exclusivamente para as suas bases. Allan afirmou que apesar disso, Tábata não se torna uma opção para a política brasileira.

- Não é porque ela está voltando a favor da Reforma da Previdência que causará para ela a expulsão do partido. Não é a expulsão do PDT que a torna uma pessoa palatável na vida política brasileira. A Tábata Amaral é daquela linha, daquele esquerdismo chique, que está mais para um PSDB da vida, que não está de acordo com as pautas conservadoras do país. Mas essas pessoas entram nesses partidos, ganham uma projeção nacional e a partir daí vão emplacar sua agenda em outro partido. É um caso muito semelhante do senador Jorge Kajuru, que foi eleito pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), que também é um partido de esquerda, e agora pediu a saída do partido – disse Allan.

O comentarista do canal Vista Pátria chamou atenção para o fato de Tábata Amaral estar tentando descolar sua imagem da esquerda que vem sofrendo uma sequência de derrotas no Brasil e em toda América Latina.

- Logo logo ele vai arrumar outra legenda para continuar fazendo seu populismo. Ela fica tentando se distanciar do desgaste natural que a esquerda vem sofrendo, não só no Brasil, como em toda América Latina. Mas a pauta dessas pessoas, as agendas delas não estão de acordo com a agenda do presidente Bolsonaro, uma agenda conservadora, uma agenda liberal (na economia), que seja.

Allan chama atenção dos conservadores para que eles não caiam no mesmo erro que alguns liberais estão caindo, inclusive pedindo a filiação de Tábata ao Partido Novo.

- É importante se atentarem a isso. É o jogo de bastidores. Lá na frente, quando você precisar realmente do voto dessas pessoas ou precisar que essas pessoas não obstruam pautas importantes, você vai quebrar a cara. Um exemplo claro disso foi a votação do Decreto das Armas, onde o senador Jorge Kajuru, mesmo com todo seu eleitorado pedindo, em todas as pesquisas que ele fez, pedindo para ele voltar contra a derrubada do decreto, ele votou a favor porque essas são as convicções socialistas – lembrou Allan sobre a votação no Senado que derrubou o decreto de armas do presidente Jair Bolsonaro.

Allan Frutuozo acredita que em breve a deputada Tábata Amaral pode aparecer associada sua imagem a pessoas como Luciano Huck, uma espécie de “esquerda mais limpinha”.

- Esse grupo mais limpinho que tenta ser a terceira via. Por muito tempo nesse país vem se tentando uma terceira via. O grande problema é que antigamente nós tínhamos apenas uma via camuflada de duas. Era o tal do teatro das tesouras, como diz o professor Olavo de Carvalho. Tínhamos aqui na eleição Dilma Rousseff e José Serra, o José Serra! Naquela época, assim como querem fazer com a Tábata Amaral hoje, Serra era classificado como ‘de direita’. O José Serra declarou nessa semana que essa medida provisória da liberdade econômica do presidente Jair Bolsonaro é "terrível", e que ele é completamente contra essa medida liberalizante. Então esse é o cara que diziam que era de direita – disse Allan.

Allan Frutuozo mandou um recado para as pessoas tomarem cuidado e pesquisarem ainda mais a respeito das escolhas para deputados, pois muitos votam para presidente e governador de direita, mas erram na hora de escolher a opção para o legislativo.

- A população brasileira acaba elegendo pessoas desse tipo, pessoas que não são comprometidas com o que ela acredita. A pessoa tem uma capacidade de votar em um presidente da república, em um governador de direita, com viés conservador, mas, ao mesmo tempo, vota em deputados esquerdistas, e depois querem que o presidente de direita resolva todos os problemas do país, com o Parlamento que fica obstruindo tudo que o presidente tenta apresentar. Então, se você votou na Tábata Amaral, ou se você tem alguma simpatia por ela, não escute apenas a minha palavra. Vá estudar, vá procurar a fundo o que ela prega, o que ela defende, e veja em que contexto, em que espectro político está a Tábata Amaral. Não se engane. Uma vez esquerda sempre esquerda. Se você saiu da esquerda e não vira um anti-esquerdista, você ainda tem um coração lá, ainda tem um pé lá – destacou Allan.

Estamos nos esforçando para mostrar as coisas boas que os conservadores estão fazendo pelo Brasil. Se você nos ajudar, poderemos publicar mais artigos como esse. Visite o nosso Apoia.se!
Esquerda tenta infiltrar Tábata Amaral na direita, alerta analista político Esquerda tenta infiltrar Tábata Amaral na direita, alerta analista político Reviewed by Wilson Oliveira on 00:05:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.