Polícia fez o que era necessário fazer, diz Bené Barbosa


Por Wilson Oliveira

O especialista (de verdade) em segurança pública e principal defensor do armamento civil no Brasil Bené Barbosa comentou na sua conta no Twitter o sequestro realizado na manhã deste terça-feira na Ponte Rio-Niterói. Foi possível perceber que usuários anônimos da citada rede social seguiram em peso pelo mesmo caminho. Bené parabenizou a política de segurança do governo Wilson Witzel (PSC) e também o papel da polícia carioca na resolução deste crime.



Para Bené Barbosa, o criminoso foi vítima da sua própria escolha e acabou sendo abatido pela polícia para que a vida dos 37 que estavam sob domínio do bandido fossem salva. De acordo com informações do G1, Willian Augusto da Silva tinha uma arma de brinquedo, mas ameaçava incendiar o ônibus no qual mantinha pessoas como reféns.



Bené Barbosa parabenizou o governador Wilson Witzel por "assumir o ônus da ação" e afirmou que as pessoas estão cansadas do papo furado de sociólogos de que "toda vida deve ser igualmente protegida".



O colunista do site Terça Livre e professor de história Igor Guedes perguntou, ironicamente, como o sequestrador estava armado sendo que vigora desde 2003 no Brasil o Estatuto do Desarmamento. Na parte das respostas, inúmeros internautas aproveitaram para também reproduzirem ironias sobre o fato de bandidos estarem armados mesmo com a política de desarmamento defendida pela esquerda.








Estamos nos esforçando para mostrar as coisas boas que os conservadores estão fazendo pelo Brasil. Se você nos ajudar, poderemos publicar mais artigos como esse. Visite o nosso Apoia.se!
Polícia fez o que era necessário fazer, diz Bené Barbosa Polícia fez o que era necessário fazer, diz Bené Barbosa Reviewed by Wilson Oliveira on 15:58:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.