Mandetta perde apoio de outros ministros: entrevista à Globo foi vista como traição


Por Wilson Oliveira

Luiz Henrique Mandetta perdeu o apoio que tinha dos seus colegas ministros do Governo Federal. Segundo os integrantes do primeiro escalão governamental, incluindo os ministros militares, a entrevista concedida ao Fantástico, da TV Globo, neste domingo à noite, foi vista como um ato de traição. "Mandetta não pode quebrar a hierarquia desse jeito, confrontando o presidente, ainda mais depois do que foi acordado na última reunião ministerial", disse um dos generais próximos de Bolsonaro, segundo relatou uma fonte a O Congressista.



Ainda de acordo com informações trazidas por essa fonte, os ministros Sergio Moro e Paulo Guedes também estão decepcionados com a forma como Luiz Henrique Mandetta vem se comportando após a reunião ministerial. Eles avaliam que em um dia Mandetta diz que "Bolsonaro é quem manda", mas no outro, repete falas de confronto com o presidente, e que segundo esses dois ministros, que são os mais importantes do Governo, não é aceitável que numa situação de imensa gravidade sanitária, o titular da saúde fique fazendo esse "jogo duplo".

A perda de apoio à Mandetta se estende também a parlamentares governistas. O deputado federal Otoni de Paula declarou na manhã desta segunda: "Eu era um daqueles que achava que o presidente Bolsonaro deveria manter Mandetta no cargo por conta do desgaste que daria tirá-lo, cheguei a escrever isso ao presidente, o que me arrependo, pois cheguei a conclusão que desgaste maior é mantê-lo sob os holofotes".



Na carta publicada na sua página do Facebook, Otoni também deixou uma indagação no ar: "Não se enganem, como um dia eu me enganei, Mandetta é um câncer que se não for extipado irá virar metastase. O que justifica alguém ocupar um cargo de confiança é a própria confiança, mas quando essa não existe qual a razão da manutenção do cargo?".

A demissão de Luiz Henrique Mandetta no decorrer desta semana voltou a ficar bastante forte. Fonte do Governo havia informado, ainda no domingo à noite, que o presidente Jair Bolsonaro iria rastrear como essa entrevista à Globo seria recebida pelos demais ministros do Governo e pela base governista do Congresso. E como visto, o saldo foi bastante negativo para o (ainda) ministro da saúde. Agora a caneta presidencial ficou com caminho livre para agir.

Ajude O Congressista a crescer. Jornalismo sério custa dinheiro. Faça-nos uma doação através do nosso Apoia.se!
Mandetta perde apoio de outros ministros: entrevista à Globo foi vista como traição Mandetta perde apoio de outros ministros: entrevista à Globo foi vista como traição Reviewed by Wilson Oliveira on 12:02:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.