"É ridículo e hipócrita outros casos na lista do Coaf não serem investigados", diz editor


O editor-chefe de O Congressista, Wilson Oliveira, afirmou que é "ridículo" e "hipócrita" o fato dos outros deputados do Rio de Janeiro que apareceram na lista do Coaf não serem investigados nos esquemas de rachadinhas em gabinetes na Assembleia Legislativa do Estado (Alerj).

"A única investigação em andamento é a do Flávio Bolsonaro. Tem que investigar o caso Flávio, mas não investigar os outros é ridículo e hipócrita!", disse Wilson.

O editor creditou a um sentimento doentio de ódio ao presidente Jair Bolsonaro o fato de algumas pessoas se negarem a enxergar que existe uma perseguição à família do presidente. Em sua publicação no Facebook, Wilson disponibilizou a lista completa de todos os deputados do Rio de Janeiro que aparecem na mesma lista do Coaf que consta o nome de Flávio Bolsonaro. Confira:



O economista e comentarista Rodrigo Constantino foi pela mesma linha. Constantino compartilhou um trecho de uma reportagem do "Estadão", que esclarece que o caso de Flávio é o único a ir adiante e usou um tom irônico no seu comentário.

"“O único a ir adiante”. Mas é combate à corrupção, não perseguição política...", disse.



Assista ao vídeo de análise de O Congressista TV: "Guerra de narrativas: a direita precisa defender a democracia":



Ajude O Congressista a crescer. Jornalismo sério custa dinheiro. Faça-nos uma doação através do nosso Apoia.se!
"É ridículo e hipócrita outros casos na lista do Coaf não serem investigados", diz editor "É ridículo e hipócrita outros casos na lista do Coaf não serem investigados", diz editor Reviewed by Wilson Oliveira on 14:17:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.