Olavo de Carvalho diz que se fosse da família Bolsonaro visitaria presos políticos


O escritor, filósofo e professor Olavo de Carvalho deu uma cutucada na família do presidente Jair Bolsonaro. Na sua conta do Facebook, Olavo comentou que se fosse um dos Bolsonaros, "no mínimo", iria visitar os presos políticos que estão sendo capturados através de uma escalada autoritária em curso no Brasil que persegue de forma implacável os conservadores.



Nesta sexta-feira, o jornalista Oswaldo Eustáquio foi preso pela Polícia Federal em Mato Grosso do Sul. Eustáquio foi mais um alvo conservador da operação que investiga o financiamento dos atos a favor do governo Bolsonaro, classificados pela mídia como antidemocráticos por conta de alguns cartazes que pediam AI-5 e exibiam palavras contra o STF.

Outra pessoa que foi presa nessa mesma operação é a ativista Sara Winter, mas ela foi solta na última quarta-feira. No entanto, de acordo com o Pleno News, Sara revelou que está sofrendo de estresse pós-traumático e dará início a um tratamento com psicólogo. Ela ficou encarcerada no Presídio Feminino do Distrito Federal, mais conhecido como Colmeia.



Centralismo democrático: o controle esquerdista da democracia [confira o vídeo abaixo]



Ajude O Congressista a crescer. Jornalismo sério custa dinheiro. Faça-nos uma doação através do nosso Apoia.se!
Olavo de Carvalho diz que se fosse da família Bolsonaro visitaria presos políticos Olavo de Carvalho diz que se fosse da família Bolsonaro visitaria presos políticos Reviewed by Wilson Oliveira on 00:08:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

Tecnologia do Blogger.